nao-consigo-fazer-dieta 16 abr 2018

Ansiedade / Nutrição / Transtornos e Patologias em geral

Comments: Nenhum comentário

Não Consigo Fazer Dieta: Por Quê?

“Não consigo fazer dieta!”; você já parou para pensar no que existe por trás dessa queixa tão comum? Realmente, à principio a coisa parece bem simples: basta montar o cardápio da semana, refeição por refeição…e seguir.

Porém, na prática tudo é diferente. Você toma o suco detox no café da manhã e fica morrendo de fome, suspirando por um pão francês com manteiga. No almoço, aquele prato colorido de salada na entrada parece mais uma burocracia a cumprir do que algo para matar a fome.

Então, no segundo ou terceiro dia você chuta o balde e ataca com voracidade uma barra de chocolate (ao leite, claro) inteira, uma porção de batata frita e o que mais surgir pela frente.

Daí bate a culpa e vem de novo a pergunta: Por que não consigo fazer dieta? Confira a seguir algumas explicações do que pode estar por trás dessa sua dificuldade.

 

Por que não consigo fazer dieta: conheça algumas explicações para o problema

Analisando de um ponto de racional, não deveria ser tão difícil fazer dieta. Afinal, queremos emagrecer para ter um corpo mais bonito, poder usar roupas de praia sem constrangimento e inclusive para ter uma vida mais saudável, já que o sobrepeso e a obesidade contribuem para o desenvolvimento de várias doenças.

Entretanto, a dieta é uma daquelas coisas fáceis de planejar e difíceis de executar. São raros os casos de pessoas que têm sucesso na primeira tentativa. Essa grande dificuldade para seguir uma dieta pode ter 3 explicações principais: expectativas irreais, fome emocional e encarar o emagrecimento como algo passageiro.

 

Por que não consigo fazer dieta: cuidado com as expectativas irreais

Aqui temos aquele caso clássico da pessoa que deseja “perder 15 quilos até o verão”. O detalhe é que ela começa a dieta no fim de novembro. Traçar metas pouco realistas só contribui para aumentar a ansiedade, o que por sua vez torna ainda mais difícil seguir um plano alimentar.

Perder muito peso em pouquíssimo tempo não é saudável, pois em geral implica seguir dietas muito restritivas, que privam o organismo de nutrientes essenciais e podem acentuar a perda de massa muscular, além de serem um gatilho para a fome compulsiva.

Portanto, tenha objetivos factíveis ao entrar numa dieta, lembrando que a perda de peso deve ser mantida a longo prazo e a pressa pode colocar tudo a perder.

 

A fome emocional e a dificuldade para fazer dieta

fome emocional

Fome emocional é quando usamos a comida como meio de fuga, alegria e conforto. É um comportamento que visa evitar emoções dolorosas através da ingestão de alimentos ricos em gorduras e carboidratos refinados, como doces, salgadinhos, batatas fritas, refrigerantes etc.

E quando a comida, especialmente a comida que devemos evitar para perder peso, serve para amenizar nossos conflitos e dificuldades emocionais, não há argumento racional que consiga nos manter firme na dieta.

Nesses casos, a psicoterapia pode ser de grande ajuda para que a pessoa consiga transformar sua relação com a comida e entender os mecanismos que geram a fome emocional.

 

Insistir em dietas em vez de apostar na reeducação alimentar é um erro

Pensar na dieta como “sacrifício temporário” para emagrecer é um grande erro, ao menos para quem pensa em manter-se em forma para o resto da vida.

Por isso, o conceito de “dieta” ou “regime” cada vez mais vem sendo abandonado e substituído pela ideia de reeducação alimentar.

Fazer uma reeducação alimentar tem a ver com um novo estilo de vida, onde a comida é vista como fonte de nutrição para o corpo e satisfação, mas sem servir como muleta para questões emocionais mal resolvidas.

Não se trata de contar calorias e sim escolher os alimentos que trazem mais benefícios ao corpo, em porções adequadas.

Talvez essa seja uma boa resposta para a pergunta: por que não consigo fazer dieta?

Porque dietas não funcionam, é preciso adotar uma nova forma de comer que possa ser mantida ao longo do tempo.

Como vimos, não conseguir fazer dieta é um problema para muitas pessoas que estão insatisfeitas com o próprio corpo. Entre os motivos que explicam essa grande dificuldade, encontramos as expectativas irreais, a fome emocional e os problemas inerentes às dietas, que devem ser substituídas pelo conceito de reeducação alimentar.

Nem sempre é fácil identificar as questões emocionais que estão por trás da dificuldade em emagrecer, por isso é importante buscar ajuda psicológica especializada para superá-la de uma vez por todas.

Esse artigo tem caráter informativo, se você se identificou com qualquer sintoma busque ajuda profissional, consulte um psicólogo em Bragança Paulista.

IIPB – Instituto Integrado de Psicologia Bragança.

Fone: 11 2277-4283 ou whatsapp: 971438628

Psicólogo em Bragança Paulista e região. – Atendimento infantil, adolescente e adulto.

www.iipb.com.br

 

 

 

 

Deixe uma resposta

Whatsapp!